União Seguradora - 55+ (51) 3061-9606

notícias

12 jun Grupo Aspecir em Belo Horizonte
7 jun Presidente do Grupo Aspecir recebe Comenda Metropolitana
7 jun União Seguradora entrega prêmio
5 jun Uso da tecnologia traz benefícios para o mercado de seguros
5 jun Susep alerta Corretor sobre Riscos Excluídos
5 jun Instituições financeiras podem explorar sistemas bancários integrados para oferecer serviços digitais seguros, diz Unisys
5 jun A Importância da Importância do Corretor de Seguros
24 mai No mês da conscientização no trânsito, confira dicas para evitar acidentes
24 mai Entenda como funciona a previdência complementar no Brasil
24 mai Setor tem números positivos até março de 2019 e provisões técnicas avançam 10%
24 mai Susep nomeia diretores
20 mai Combate a fraude no Seguro DPVAT
20 mai Previdência privada: reservas atingem R$ 857 bilhões
20 mai Previdência aberta terá R$ 1 trilhão em patrimônio até o final deste ano
20 mai Empresas com investimentos represados
17 mai Diretor comercial do Grupo MBM assume mandato na FenaPrevi
17 mai Setor de seguros brasileiro vê explosão de startups
17 mai Seguro contra inadimplência tem alta de 25,5% no primeiro trimestre do ano
17 mai Como criar aplicativos 100% seguros?
15 mai ?A empresa onde trabalho tem plano de previdência privada com coparticipação. Vale a pena??
15 mai Maio Amarelo: conheça a campanha nacional de 2019
15 mai China vai abrir ainda mais os setores bancários e de seguros
15 mai Nova norma para insurtechs deve sair em 30 dias, diz Solange Vieira, da Susep
3 mai Insurance, conheça todos os detalhes sobre os seguros
3 mai Seguradora Líder promove encontro com Sindicatos das Seguradoras de todo o Brasil
3 mai Mitos e verdades sobre a previdência privada
3 mai Previc e Susep apresentam propostas para fusão das reguladoras de previdência
26 abr Levy diz que reforma pode favorecer investimentos em infraestrutura
26 abr Reforma aumenta a procura por previdência privada no Vale do Paraíba
26 abr Reforma da Previdência reduz subsídios para ricos, diz secretário
24 abr Cotação Premiada de Páscoa
23 abr Previdência com seguro?
23 abr IR 2019: Seguro obrigatório de carro DPVAT é isento, mas deve ser informado
23 abr Aproveite a segunda-feira para investir e planejar seu futuro
23 abr Ramo de pessoas deve impulsionar crescimento do mercado de seguros em 2019
18 abr Plano de previdência privada é impenhorável, decide TRT-2
18 abr Tem previdência privada? Saiba como declarar valores no Imposto de Renda
18 abr Procura por seguros cresce no primeiro trimestre e demonstra preocupação do brasileiro com a insegurança
18 abr Crescimento do seguro de vida no setor audiovisual
15 abr Executivos explicam segredo para crescimento de 171,19% da União Seguradora
12 abr Volta à Câmara projeto que exige de corretor de seguros habilitação da Susep
12 abr Uma providência para a previdência privada
12 abr Você conhece os benefícios de investir em uma previdência privada?
12 abr O acordão da Previdência
10 abr Relatório Anual 2018 da Seguradora Líder é destaque na mídia
10 abr Seguro de vida: STJ afirma que seguradoras devem provar má-fé de seus clientes para recusar benefício
10 abr Aposentadoria Privada x Aposentadoria Pública: Qual escolher?
10 abr Minoria poupa ou tem investimento para a velhice, aponta Datafolha - Folha de S. Paulo
8 abr Seguradora Líder promove treinamentos e encontros com foco no atendimento aos beneficiários do Seguro DPVAT
8 abr O seguro é mais seguro
8 abr Diretores da Susep são exonerados
8 abr Lei de proteção de dados para o mercado de seguros
5 abr Os benefícios de investir em uma previdência privada
5 abr Mercado cresceu 4,4% no primeiro bimestre
5 abr Indenização do seguro precisa ser declarada no imposto de renda
5 abr Superintendente da Susep diz que mercado é ?gigante?
4 abr União Seguradora prestigia lançamento do Seguro Viagem da Lato Seguros
2 abr População com mais de 60 cresce e movimenta cerca de R$ 1 trilhão
2 abr Valor publica especial sobre Previdência Aberta
2 abr SUSEP divulga novas regras para segmento de seguro
2 abr Você conhece os benefícios de investir em uma previdência privada?
18 mar Pesquisa diz que 56% dos brasileiros vão contar apenas com o INSS
18 mar Como começar a investir em uma renda variável?
18 mar Devo ficar no plano corporativo de previdência após demissão?
18 mar IFRS 17 promove transformação no segmento de seguros
13 mar Seguro de vida é plano de risco que mais cresce em razão da violência
13 mar Previdência privada perdeu 224 mil participantes
13 mar Empresários projetam ano com avanço lento em encontro no Marcas de Quem Decide
13 mar Previdência privada é opção para quem planeja bem o futuro
8 fev As principais tendências e expectativas de crescimento do mercado de seguros para 2019
8 fev Planejamento da aposentadoria: muito além da reforma
8 fev Mercado de seguros tem lucro de R$ 14,7 bilhões
8 fev Proposta da previdência concede aposentadoria básica de até 700 reais para todas as pessoas
6 fev Como garantir seu futuro investindo na previdência privada?
6 fev Com reforma da Previdência como prioridade, governo adia promessas
6 fev Nove a cada dez brasileiros aposentados dependem do INSS pra sobreviver
6 fev Proposta para a Previdência prevê aposentadoria integral para servidor só aos 65 anos
4 fev Mercado livre de energia busca crescimento
4 fev Começa a contagem regressiva para declarar Imposto de Renda
4 fev Reforma da Previdência: por que 4 países da América Latina revisam modelo de capitalização, prometido por Guedes ...
4 fev Mercado reduz expectativa de alta do IPCA para 2019
4 fev Bolsas da Europa fecham sem sinal único, em dia de foco em empresas
1 fev Funpresp: qual a melhor decisão?
1 fev Imposto de Renda 2019: O leão está chegando!
1 fev O custo da herança: seguro de vida auxilia herdeiros a pagarem despesas para ter acesso ao dinheiro
1 fev Corretor de Seguros deve ficar atento em algumas situações para não ser punido
23 jan Seguros podem ser a ?Tábua de Salvação? em questões de saúde
23 jan Susep preparada para novo Brasil
23 jan Conheça algumas razões para contratar um seguro de vida
21 jan Planejamento pra garantir o futuro
21 jan Capitalização
21 jan Você está preparado para a reforma da Previdência?
21 jan 'Aposentadoria como conhecemos hoje vai desaparecer', diz economista
18 jan Menores de idade podem ter seguro de vida? Especialista explica
18 jan Planejamento financeiro para 2019: por onde começar?
18 jan Evolução Digital x Transformação Digital: Qual é a diferença?
18 jan IR 2019: Reúna agora os papéis e tenha chance de receber restituição antes ...
18 jan Menores de idade podem ter seguro de vida? Especialista explica
14 jan O abandono da ideia de fundir Susep e Previc
14 jan Ciência, tecnologia e seguros são novidades em 2019
14 jan Calendário de pagamento do Seguro DPVAT já está disponível na internet
08/08/2018

GDPR provoca revolução na proteção de dados


Novas regras reforçam a importância da transparência no manuseio de informações particulares pelas empresas
Desde a implementação do Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR) pela União Europeia, em maio, vários países discutem como se adaptar à regulamentação, que determina novas regras sobre a coleta, uso, processamento e armazenamento de dados particulares de pessoas que moram ou estejam em território europeu. Com a sofisticação dos ataques cibernéticos, a proteção das informações tornou-se tão urgente quanto imprescindível para oferecer mais transparência e credibilidade às interações.

O GDPR define uma lista de princípios para garantir uma melhor governança dos dados. No entanto, muitas companhias em todo o mundo ainda não estão devidamente preparadas para a mudança. De acordo com o Gartner, no final de 2018, mais de 50% das empresas afetadas pelo novo Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) não estarão ainda em cumprimento total com as novas regras impostas pela União Europeia. Isso significa que, além das multas pesadas – que podem chegar a 20 milhões de euros ou 4% do faturamento anual, ou seja, o que for maior -, muitas empresas podem estar colocando em risco sua reputação, afinal que cliente deseja que suas informações fiquem vulneráveis?

Além do impacto junto ao consumidor final, muitos investidores também estarão atentos àquelas corporações que utilizam devidamente as regras de compliance, para que não corram o risco de colocar dinheiro em instituições que desprezam a legislação. Mesmo que a empresa não esteja na União Europeia, mas de certa forma tenha relacionamento com clientes deste continente, é fundamental se preparar para seguir as determinações do GDPR. Além de garantir a atuação em conformidade com a lei, esta transparência poderá se tornar num diferencial competitivo, que pode fazer toda a diferença num cenário em que a privacidade tornou-se um valor inquestionável.

Para o Gartner, definir um “data controller”, que possa ser o ponto de contato do consumidor com o a autoridade de proteção de dados (DPA), bem como um Data Protection Officer (DPO) para monitorar o processamento de informações de forma regular e sistemática, pode ser um bom caminho para se ajustar às regras. Tão importante quanto esta ação é demonstrar uma postura segura em todas as decisões de processamento de dados pessoais, implementando mecanismos para proteção dos mesmos, além de garantir as atualizações necessárias – consentimento do cliente para que a empresa utilize as informações ou faça a exclusão delas.

Pelo que temos acompanhado, as empresas na América Latina estão se movimentando para adotar iniciativas que acompanhem o modelo europeu de proteção de dados pessoais. No Brasil, por exemplo, a presidência da República deve sancionar em breve o projeto de lei PLC 53/2018 – Projeto de Lei para Proteção de Dados Pessoais -, que segue muitas diretrizes do GDPR e prevê, ainda, a criação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) para reportar casos de vazamento de dados pessoais e aplicar penalidades em empresas que tiverem os dados violados.
É importante notar que a definição atribuída aos dados pessoais no GDPR abrange qualquer informação que possa identificar – direta ou indiretamente – uma pessoa: nome, foto, endereço de e-mail, dados bancários, endereço IP, entre outros. Além de proteger os dados, as empresas devem ser capazes de fornecer uma cópia dos dados pessoais, gratuitamente, se houver uma solicitação.
A notificação de violação de dados pessoais é obrigatória em até 72 horas após a primeira tomada de conhecimento da violação. Organizações devem informar à autoridade supervisora, bem como aos clientes afetados, cuja segurança dos dados pessoais pode ter sido comprometida.

Para atender às regras, muitas empresas de contact center estão investindo em soluções de conformidade específicas para o setor, capazes de visualizar dados, em tempo real, e obter insights focados em privacidade, tomar ações sobre políticas e conectar silos entre sistemas de dados para gerenciar interações e políticas, de maneira eficiente.
O Compliance Center da Nice, por exemplo, oferece um aplicativo “Compliance Assurance”, que exibe painéis para avaliar a adesão da organização às melhores práticas de controle de dados para captura e retenção. A solução utiliza criptografia de ponta a ponta, protegendo as informações durante todos os estágios de seu ciclo de vida: captura, uso, transmissão e armazenamento.
Com tantas soluções inovadoras no mercado, quem ainda não se mobilizou deve agir rápido para se adaptar ao GDPR e às demais normais de proteção de dados. Quem não participar desse movimento, que prioriza a transparência a integridade das informações, corre o risco de perder credibilidade e reputação junto ao consumidor.

Fonte: Revista apólice
logotipo zepol